quarta-feira, 28 de outubro de 2009

Miss Sixty lança aparelho de celular

Tecnologia

Tecnologia
O Sixty Group acaba de lançar o Miss Sixty Mobile, primeiro celular da grife italiana desenvolvido em parceria com a empresa Alcatel.

O aparelho foi desenvolvido com um novo conceito, interpretando a essência feminina e absolutamente original da marca: jovem, sensual e irônica ao mesmo tempo. É voltado para os amantes da moda que reconhecem o estilo e personalidade das coleções Miss Sixty.

Com uma câmera de 1.3 megapixel, MP3 player, rádio FM, e tecnologia Bluetooth, o aparelho está disponível nas mesmas cores da cartela do Inverno 2010 da grife: branco e dourado, vermelho, roxo e rosa cromados com um estilo anos 80.

"Estamos extremamente orgulhosos desta parceria com a Alcatel", diz Wichy Hassan, co-fundador e diretor-criativo da Sixty Group. "A marca Sixty representa um lifestyle, um mix de inspirações tomados pela moda e arte, da música à tecnologia. O aparelho celular Miss Sixty é um projeto que cabe no plano estratégico destinado à aproximação da marca com o consumidor final".

O celular da Miss Sixty começou a ser vendido este mês nas flagship stores da grife e alguns distribuidores selecionados, em duas versões: Essencial Kit (99,00 euro) e Premium Kit (129,00 euro).

terça-feira, 27 de outubro de 2009

Agatha investe nos jeans coloridos

Irreverente e vanguardista, Agatha Ruiz de La Prada volta a surpreender. Desta vez ela criou uma coleção inédita de jeans que segue o estilo colorido, sua marca registrada

Irreverente e vanguardista, Agatha Ruiz de La Prada volta a surpreender. Desta vez ela criou uma coleção inédita de jeans que segue o estilo colorido, sua marca registrada
São poucas as pessoas que conseguem fazer com que o seu trabalho seja reconhecido automaticamente, mesmo que não esteja assinado. Agatha Ruiz de la Prada é um desses exemplos, ao criar coleções de vestuário peculiares e muito próprias, que conquistaram o mundo e que acabaram virando acessórios e perfumes. «Eu, melhor que ninguém, conheço as minhas limitações, mas continuo acreditando que tenho um longo caminho a percorrer na minha carreira e ainda muitas coisas a conquistar», salientou Agatha Ruiz de La Prada, em comunicado, após o lançamento da sua última coleção em Madrid.

E quando parecia que o universo de Agatha Ruiz de la Prada já se tinha expandido o suficiente, conseguindo abordar e alcançar todos os nichos de mercado, a engenhosa criadora acaba de lançar uma nova peça de roupa que promete ser um sucesso de vendas internacional: uma linha de jeans, incluída na coleção de Outono-Inverno 2010.

Esta coleção é composta por três linhas distintas, mas sempre fiéis ao mundo Agatha: a primeira, denominada "Full of Colour", consiste numa seleção de peças com muita cor; a "Vintage Denim" foi criada tendo como base acabamentos artesanais; por último, a "Bottom Up" tem como objetivo primordial de realçar a silhueta. Todos os jeans são produzidos com recurso a técnicas ecológicas e tendo por princípio-base a qualidade.

De acordo com um comunicado divulgado recentemente pela empresa da estilista espanhola, «trata-se de uma coleção excepcional, que apenas poderia esperar de uma estilista fantástica como Agatha Ruiz de la Prada, que nunca abandona as formas coloridas das suas criações. Da mesma forma, com estas peças qualquer um pode viajar até o "faroeste" e voltar rapidamente à modernidade mais vanguardista, com uma provocadora e sensual explosão de cor. Estes jeans distinguem-se ainda pela utilização de tecidos originais como o cetim, que foram aplicados de forma genial».

Além desta divertida linha, a criadora acaba de lançar uma linha de camisas estampadas que relembram a iconografia clássica da designer, mas com a aplicação de tratamentos de envelhecimento. Uma gama de vestuário perfeita para combinar com a nova coleção de jeans de Agatha. A reconhecida criadora conta ainda com uma nova página na Internet e também com a sua própria loja virtual, onde se pode obter os tão falados jeans ou qualquer outra peça das suas coleções, que apostam sempre em cores vivas e puras, formas geométricas e toda uma linguagem simbólica composta por corações, nuvens e flores.

segunda-feira, 26 de outubro de 2009

Tradição, fantasia, tecnologia e simplicidade no infantil

Inverno 2010

Inverno 2010
Segundo os consultores Kátia Feliciano e Milton dos Santos, que apresentaram a palestra sobre o segmento infantil no último Senac Moda Informação, o inverno 2010 irá reunir uma volta ao passado, com tradições de vários povos, grandes e luxuosos espetáculos e tecidos tecnológicos misturados a simplicidade.


_ Feminino
Relíquias:
ainda com resquícios da crise mundial, surge uma volta às raízes e as tradições principalmente nas Américas do Sul e Central. Aqui entram tons terrosos, como laranja, pimenta e páprica, além do pink, roxo, menta e baunilha em peças artesanais, com tapeçaria, no estilo cowntry, patchwork, florais, xadrezes e listras.

O jeans vem escuro e lavado, com costuras contrastantes e barra virada em calças ou bermudas.

As saias são rodadas, com flores e bordados e os vestidos ganham sobreposições.

Há ainda ponchos, coletes, gorros, lenços, tricôs, pedrarias e tachas.

Fantasia: A inspiração vem dos grandes espetáculos dos anos 20, cartazes antigos de dança, balé, tudo com um grande desejo de fugir para um mundo repleto de fantasias, luxo e sofisticação.
Aqui entram tons mais fechados, como preto, ameixa, cinza e vermelho e dourado.

Vestidos e saias volumosas, casaquetos, cache-coeur, pelerines, pele, mantôs, veludos, laços, pregas, jabôs, plissados e babados fazem parte deste tema.

Equilíbrio: Jogo de luzes, a arquitetura, tranqüilidade, paz, harmonia com o meio ambiente mesclados a tecnologia dos tecidos e formas, com um quê de futurismo retrô trazem o estilo esportivo, super confortável, com leggings e maxi camisetas juntamente com jeans escuro, estampas gráficas, de bolinhas, cartoons, elementos da natureza, jaquetas forradas, bermudas com meias coloridas, polainas, capuzes, lantejoulas, zíperes e metalizados.

Os tons variam do lilás, roxo ao cinza-aço, azul escuro e cores mais claras, como amarelo, dourado e prata.


_Masculino
Assim como no feminino, o infantil masculino segue os mesmos temas, só que com nomes diferentes. Vamos a eles.

Folclore universal (étnico/origem): Os costumes e crenças, hieróglifos de civilizações antigas, esportes eqüestres, rodeios, rusticidade em peças que misturam o jeans com patchs, apliques, bordados, risca de giz e furos, resina e remendos.

Há ainda pólos, camisas xadrezes, bordados étnicos, tricôs e detalhes em couro.

Nostalgia (tradição/ingenuidade): Espetáculos antigos de circo e dança dramática, trazem grafismos, estampas de pôsteres vintage de teatro e ópera, brasões, apliques, jeans em tons escuros com resina, calças em sarja bege, tricôs com capuz, pólos com números, sobreposições.

Tecno eco (equilíbrio/simplicidade): Linhas fluídas e peças confortáveis em um tema que mistura a tecnologia e a simplicidade.
Aqui entram tecidos em 3D, visual rústico, bolsos utilitários, coletes, casacos acolchoados, jaqueta jeans com pele na gola, patchs, aplicações, pingos de tintas, números desgastados, contrastes com estampas, bordados e jeans em tons fortes.

domingo, 25 de outubro de 2009

Bershka aposta nos jeans claros para a próxima temporada

Inverno 2010

A Bershka, do grupo Inditex, divulgou as fotos do novo catálogo, que nos dá uma dica do que podemos esperar do Inverno 2010.

Jaquetas biker de couro e tricôs pesados contrapõem-se com a minissaia de paetês, os vestidos e camisas xadrezes em algodão.

No jeanswear, a Bershka traz coletes com inspirações dos anos 80 e 90, skinnies e jeans cenoura com elástico nas barras. As lavagens mais claras, como o delavé, são a grande aposta da fast-fashion.

Camisas longas e blusas folgadas também estão presentes na coleção, para dar aquele ar jovial e de descontração no visual.

Na cartela de cores destacam-se o preto, cinza, branco, vermelho, ouro velho e tons pálidos.

sábado, 24 de outubro de 2009

Moda ´agressiva´ para o Inverno 2010

As Semanas de Moda internacionais direcionam a indústria da moda. No Inverno 2010, a grande tendência da estação - que terá continuidade no Verão 2010/11 - é o look ´tough chic´

As Semanas de Moda internacionais direcionam a indústria da moda. No Inverno 2010, a grande tendência da estação - que terá continuidade no Verão 2010/11 - é o look ´tough chic´
Misturando o grunge com um toque de rock´n´roll e as tendências reconhecidas na moda em toda a década de 1990, o Tough Chic ganhará destaque nas passarelas mundiais e que já começa a conquistar as vitrinas de muitas marcas. O segredo deste estilo é misturar a sensualidade com um toque de agressividade que pode ser obtido com sapatos decorados de tachas metalizadas, calças rasgadas, vestidos justos e, sobretudo, acessórios repletos de detalhes pesados. Entre as marcas que já aderiram a este estilo estão a Mango, Zara e Friday´s Project; mas os pioneiros foram estilistas como Edward Meadham e Benjamim Kirchhoff, para a Meadham Kirchhoff. Escolha as melhores peças para ser uma "tough chic" para o próximo Inverno.

_Calçado com tachas metalizadas
A grande "febre" do Outono-Inverno 2010 são botas e sandálias repletas de detalhes metalizados, sobretudo tachas. A tendência aparece em botas, sandálias e até em sapatilhas. A coleção de acessórios da Jimmy Choo para a H&M é um claro exemplo da aplicação desta tendência, não só no calçado, mas também em cintos e bolsas. O segredo passa a combinar estas peças com outras mais sofisticadas para obter um visual arrojado e vanguardista.

_Acessórios
O tough-chic não é uma tendência exclusiva das passarelas. O designer de joias Tom Binns, considerado um dos ícones da joalheira mundial e um dos prediletos da primeira-dama dos EUA, Michelle Obama, lançou uma coleção nomeada "Tough Chic". As peças com caveiras, correntes e outros objetos unem-se com a delicadeza de pérolas e corações, dando o equilíbrio necessário para quem não pretende aderir ao look grunge total.

_Jeans
A Balmain foi uma das marcas mais inspiradas por esta tendência mundial. O estilista da marca, Christopher Decarnin, criou diversas peças a relembrar o estilo "tough chic", entre as quais se destacam jeans detonados. Já Alexander Wang, um dos estilistas mais procurados pelas estrelas de Hollywood, apostou em jeans com couro, bordados, transparências e muito preto.

_Vestidos
O estilista italiano Emilio Pucci também adere ao estilo, mas através de um look mais luxuoso, onde se destacam peças sofisticadas. Os vestidos justos, curtos e com formas simples e bastante "clean" ressaltam as formas do corpo feminino.

_Volume nos ombros
Outra tendência que vem conquistando as passarelas, mas que tem encontrado certa resistência de adesão junto dos consumidores, são as peças com volume nos ombros, um revival dos anos 80. Esta tendência volta com força, sobretudo através da Balmain, feita com aplicações metálicas.

sexta-feira, 23 de outubro de 2009

Os cinco sentidos inspiram a coleção verão 2010 da Osmoze

A Osmoze desenvolveu a coleção verão 2010 baseada nos cinco sentidos do homem - olfato, audição, tato, visão e paladar.

A percepção dessas sensações foram transformadas em peças urbanas, como shorts, coletes, calças saruel e peças descontraídas e leves como a estação pede, retratando as experiências da marca.

Ouvir com os olhos, ver com as mãos e degustar com o aroma da vida foram os sentimentos que a Osmoze buscou ao criar sua coleção que remete sutilmente ao pensamento e ao olhar para os cinco sentidos.

quinta-feira, 22 de outubro de 2009

Lu Catoira lança ´Moda Jeans: Fantasia estética sem preconceitos´

Bibliografia

Bibliografia
No dia 22 de outubro, a jornalista Lu Catoira lança seu segundo livro "Moda Jeans: Fantasia estética sem preconceito", na Livraria Travessa, no Rio de Janeiro.

O jeans, um tecido rude, entrou na moda como um signo do vestir e, após 150 anos, ele se mostra jovem e com energia para novos desafios. Como um código, o jeans está tanto na consciência do indivíduo que age racionalmente, quanto no inconsciente, através de ações instintivas.

Partindo dessa constatação, o livro "Moda Jeans: Fantasia estética sem preconceito" analisa os valores da cultura contemporânea e a fantasia estética que o jeans expressa. Esses valores são trabalhados pela comunicação e pelo marketing, que utilizam estratégias específicas para cada público, estimulando a carga emocional que envolve o consumo para despertar o desejo do produto.

O livro mostra também que a dinâmica do jeans está presente em cada indivíduo, construindo uma trajetória de sucesso. O mercado elabora, a mídia divulga e o consumidor se envolve nas fantasias estéticas, sem qualquer preconceito.

A publicação tem 133 páginas e será vendido por R$ 35, podendo ser encontrado em todas as livrarias do Brasil.

Casa de Criadores inaugura loja pop-up

Novo endereço reúne peças de novos estilistas

Novo endereço reúne peças de novos estilistas
Idealizada como pop-up store, a Casa de Criadores, principal evento de moda com foco nos novos talentos da moda brasileira, inaugura espaço nos Jardins.

Durante os próximos seis meses, a loja irá ocupar o antigo espaço da Cavalera na Alameda Lorena (confira o novo endereço) e vender roupas e acessórios dos estilistas participantes do evento, além de um espaço para exposições com curadoria da Galeria Emma Thomas no segundo andar.

O projeto irá reunir peças das marcas João Pimenta, Gêmeas, Walério Araujo, Marcelu Ferraz, etc., além da linha de tênis da italiana Superga e do jeanswear da Cavalera.

"Essa é uma ótima iniciativa dos organizadores do evento, já que permite uma visibilidade importante para as marcas que apresentam suas coleções na forma de desfile, possibilitando que o público tenha acesso à essas peças num único endereço", comenta o estilista Marcelu Ferraz (foto), que disponibilizará peças de coleções passadas, sua linha de camisetas exclusivas e uma edição especial do tradicional modelo 501® da Levi´s® customizado para seu último desfile de verão/09 e que podem ser conferidos nas imagens de divulgação dessa parceria.

Loja Pop-Up Casa de Criadores
Alameda Lorena, 1.682 - Jardins
São Paulo - SP

sexta-feira, 16 de outubro de 2009

Novo look de Wanessa



O figurino de Wanessa: sai o Camargo e entra o sexy



Basta olhar uma só foto recente de Wanessa (que agora dispensa o Camargo) para notar a mudança radical de estilo. Na estreia do seu novo show, de vestido curtíssimo brilhante da estilista Maríllia Pitta + jaqueta dourada Mixed + ankle boot nude Animale, a cantora não lembrava em nada a menina que usava barriguinha de fora e cabelos compridos.

“Quando fui chamado para cuidar do estilo da Wanessa, ela estava usando vestidinho florido e rasteirinha de couro, e com os cabelos retos, bem maiores do que o corte chanel do casamento. Ela estava focada no novo CD, então ficou fora da mídia nesta época”, conta Luis Fiod, que ouviu as músicas novas e criou um visual rock, mas com glamour. “Agora, em vez de usar um vestidinho romântico Marc Jacobs, ela vai de Alexander Wang”, explica.

Muito salto alto, comprimentos míni e decote V fazem parte do novo figurino, tudo para harmonizar com a figura mignon da cantora. A mudança foi incorporada ao closet pessoal. Segundo Luis, se você encontrar Wanessa na rua, ela estará vestida assim: jeans skinny de cintura mais alta (“ela adora os da Amapô”), botas altas Animale, jaqueta de couro e bolsa Chanel. Quando vir de longe alguém com essa descrição, olhe para o cabelo. O loiro médio todo desfiado, inspirado em uma foto da Kate Moss no começo dos anos 1990 e que demorou oito horas para ser feito, vai te confirmar se é Wanessa.

E quem for assistir a um dos shows da turnê deve se surpreender com a troca de roupa, que não foi feita na primeira apresentação. Wanessa sai do palco rapidamente e volta de body, meia arrastão, camiseta preta, colete todo tachado e peep toe vermelho Christian Dior.

quinta-feira, 15 de outubro de 2009

Paris Fashion Week - Chloé - Verão 2010/11

Mais nude no verão Chloé

A francesa Chloé não trouxe nada além de uma confirmação do que já foi apresentado em outros desfiles desta temporada, como os tons nudes, peças utilitárias, estilo safári, formas oversized (boyfriend), vestidos esvoaçantes, transparências...

O jeanswear surge em um único look, em double Denim. A diretora criativa da grife, Hannah MacGibbon resolveu brincar com a customização utilizando processos de lavanderia para dar efeito nas peças. Os bolsos frontais da camisa foram fixados à peça antes da lavagem e descosturadas deixando sua "marca". A calça cenoura (carrot pant) foi montada com Denim de diferentes tonalidades.

É o jeans invadindo as mais luxuosas grifes e fazendo a diferença nas Semanas de Moda internacionais.

quarta-feira, 14 de outubro de 2009

Paris Fashion Week - Chanel - Verão 2010/11

Chanel - Grife apresenta um conceito oposto ao boyfriend

Mais uma vez a francesa Chanel aposta no jeanswear misturado aos seus famosos e luxuosos tweeds.

Dessa vez, Karl Lagerfeld apresentou apenas quatro modelos (pelo menos na passarela). Em três deles, o diretor criativo mostrou um conceito que briga de frente com o estilo boyfriend. Os jeans, com modelagens femininas, compuseram também o look masculino de um modelo "penetra" na passarela da Chanel. Seria o início do estilo girlfriend???

Os jeans distribuíram-se entre as skinny, jegging, reta com cintura alta e bootcut. Destaque para o Denim Black com detalhes de remendos e cerzidos.

Detalhes com franjas e rendas conferiram delicadeza às peças. Para o Verão 2010/11, a grife aposta nas saias, das curtas às longas até o tornozelo, e vestidos, retos ou armados. Uma coleção elegante, clássica e inovadora como todos esperam da maison Chanel.

terça-feira, 13 de outubro de 2009

Paris Fashion Week - Stella McCartney - Verão 2010/11

Stella McCartney - Jeans diretamente dos anos 70

Stella McCartney apresentou sua coleção de verão, e como sempre os olhares se voltaram a ela. Não porque coloca na passarela peças espalhafatosas ou exageradas, simplesmente por entender o que as mulheres modernas, jovens e práticas desejam.

Na nova coleção Stella consegue atender aos mil estilos das mulheres (ou à mulher com mil estilos). Há peças minimalistas e alfaiatarias - para as mais clássicas; peças utilitárias e casuais - para as mais básicas; sensuais - para as sedutoras; femininas - para mulheres jovens e que adoram cores.

O jeanswear segue influência dos anos 70 e surge nas saias A e no vestido, ambos com abotoamento frontal.


sábado, 10 de outubro de 2009

Do urbano ao rebelde

34ª Edição - Senac Moda Informação

Em um cenário hi-tech com leds (luzinhas coloridas) no chão e, móveis modernos e retrôs, aconteceu o Senac Moda Informação - inverno 2010, onde a "sala de visitas" deu espaço a primeira apresentação do dia: um bate papo sobre blogs e a influência em relação à moda.

Entre os convidados, estavam Biti Averbachi, do blog www.modasemfrescura.com, Florian Bolt, do www.blig.ig.com.br/cafepourdeux, Renato Giuzio, do blog www.storvo.com e a VJ da MTV e que também mantém seu blog, MariMoon e, foi ela que definiu muito bem a moda ao final da conversa: "A moda está em todos os lugares", principalmente no vasto mundo de informações da Internet.

E foi também neste cenário inspirador que os palestrantes de moda feminina, infantil, masculina, entre outros, abordaram as principais apostas para o próximo inverno analisadas em cidades como Milão, Paris, Barcelona e Londres.

Sem grandes rupturas o próximo inverno é mais urbano, clássico, com peças duráveis, arquitetônicas ou retas, além de toda a preocupação com o meio ambiente e o conforto.

Mas para colorir e animar este tom sóbrio, pitadas de rock´n´roll e dos anos 80, com muito brilho, peças largas (blazers, calças e bermudas) e justas (vestidos e leggings) que se juntam a referências esportivas e tecnológicas.

O Futuro já está aí, vamos aproveitar!!!!!!

sexta-feira, 9 de outubro de 2009

Geller Collection para Levi´s®

Edição Limitada

A Levi's® dá continuidade a seu projeto "Colaboration Tees" e coloca no mercado internacional mais uma grande parceria em edição limitada.

Depois de Jeans Paul Gaultier e Damien Hirst, desta vez o escolhido para criar uma linha masculina foi o designer Robert Geller, vencedor do prêmio GQ/CFDA "Best New Menswear Designer of America".

A linha Robert Geller para Levi's® une o DNA da marca a estética forte, sofisticada e de alfaiataria do designer. Para desenvolver a linha em parceria com a Levi's®, Geller teve contato com peças dos arquivos de estilo da marca, de 1910 a 1950. Geller buscou dar uma ar contemporâneo para as peças vintage usadas por trabalhadores. "A parte mais importante desse trabalho foi preservar o DNA da marca e, ao mesmo tempo, adaptar as peças com minhas ideias, pensando no meu público", disse Geller. Robert usou sua sensibilidade criativa para buscar no acervo da Levi's® as peças que serviram como base para a linha de 11 peças assinadas pelo estilista. Geller trabalhou muito próximo a Carl Chiara, Diretor de Conceito da Levi's® América. "Robert foi especialmente inspirado pelas construções vintage e pelo estilo dos uniformes usados pelos trabalhadores. O que mais nos impressionou foi que ele fez questão de preservar esse aspecto histórico da Levi's® através de sua visão", comentou Chiara.

Entre as peças criadas por Robert Geller para Levi's® estão a camisa de cambraia jeans que recebeu lavagem especial com sal e sua assinatura nos ombros, a jaqueta trucker que ele tirou as mangas e a parka jeans com gola estruturada e capuz. A calça escolhida pelo estilista foi um modelo 606, super slim, criado nos anos 60.

quinta-feira, 8 de outubro de 2009

Lady Gaga sobe ao palco vestida de jeans

Revelação da música pop, Lady Gaga atrai todos os holofotes seja pelas suas melodias dançantes, declarações polêmicas ou figurinos excêntricos.

Durante uma apresentação em Washington, nos Estados Unidos, a cantora subiu ao palco e chamou atenção dos amantes do jeanswear ao subir ao palco com uma peça em Denim.

Mas, claro, o figurino foge totalmente do "normal". Uma mistura de jaqueta (veja a estrutura do peitilho) com maiô e os ombros pontiagudos, aplicações de pedrarias e tachas dão o toque final à la Lady Gaga.

quarta-feira, 7 de outubro de 2009

Jean Paul Gaultier e sua inspiração em uma diva pop dos anos 80 - Paris Fashion Week

A lingerie usada como outerwear tomou as passarelas das quatro principais capitais da moda neste verão 2010/11. Jean Paul Gaultier, que também seguiu a tendência, resolveu homenagear a rainha do pop Madonna com seu figurino dos anos 80.

Continuando com a parceria da Levi's, Jean Paul Gaultier abriu o desfile com looks em jeans bruto. As jaquetas e o peitilho ganham recortes e pespontos que lembram sutiã. A grife ainda customiza uma calça jeans, que surge toda "navalhada" e com uma fenda enorme nas laterais.

Outros estilos como o militar e o esportivo também marcam presença na coleção. Na cartela de cores, as cores neutras (preto, branco, cinza, cáqui) são alegradas com os laranjas, vermelhos, verdes e amarelos.

terça-feira, 6 de outubro de 2009

Balmain: Influência militar e peças-desejo para o Verão 2010/11 na Paris Fashion Week

Christophe Decarnin foi mais uma vez aclamado pelos críticos internacionais. No Style.com, Sarah Mower descreve o estilista como um fenômeno, e não importa se ele cobra US$ 9.000 por uma jaqueta. "He's hot!", diz Sarah em seu texto.

Na passarela, a Balmain apresenta uma coleção que mistura a ostentação - excessos de metais e brilho, ao "desleixo" - com tops furados.

O jeanswear protagoniza as jaquetas e skinnies com influências militares. Os microshorts ganham detalhes de zíperes e podem vir detonados (como se tivessem acabado de sair de uma guerra). A calça jeans bordada com paetês tem tudo para alcançar o topo das listas dos must-have para o verão 2010/11, assim como já aconteceu com outras peças Balmain.

Os itens de couro também merecem destaque pelos recortes, amarrações e modelagem (semelhantes ao jeanswear).

domingo, 4 de outubro de 2009

Marcelu Ferraz lança linha especial das calças Levi´s® 501®

A Levi's® Brasil, seguindo o alinhamento mundial de comunicação da marca, elegeu o estilista Marcelu Ferraz, integrante da Casa de Criadores, para receber o apoio e incentivo da Levi's a novos talentos. Aliás, a grife vem fazendo esse trabalho, em todo mundo, apoiando novos talentos não só da moda, mas, também, da música e das artes.

Para homenagear o icônico modelo 501®, Marcelu Ferraz buscou inspiração em um dos trabalhos da artista argentina Leonor Fini, criado a partir de imagens de ossos do corpo humano.

Para interpretar a obra, Marcelu criou uma estampa de sobreposição de radiografias de ossos, aplicada artesanalmente em cada uma das 20 peças exclusivas criadas para a parceria com a Levi's®.

sábado, 3 de outubro de 2009

Raf Simons busca retorno à natureza no desfile da Jil Sander, em Milão


VERÃO 2010 - Foi um desfile criativo, fresco, empolgante, o que Raf Simons apresentou para a Jil Sander em Milão. "Foi uma performance surpreendente _energética, moderna, viva", afirmou Cathy Horyn, crítica de moda do NY Times.

"Me encontro voltando à natureza. É bem simples assim como intelectual", declarou ao Style.com, explicando suas vontades da coleção.

O warm-up da apresentação dava pistas conceituais da coisa, com vídeos de artistas da land-art, como Christo e Jeanne Claude, Richard Wilson e Matta-Clark.

A cena em que o casal de "Zabriskie Point" rala (e rola) nas areias do deserto dá start ao desfile, em que Simons trabalha com desconstruções, acabamentos crus, transparências, materiais orgânicos e uma cartela onde reinam neutros, preto e branco.

sexta-feira, 2 de outubro de 2009

Prada mixa high e low, praia e tradição, em desfile mais jovial e acessível


VERÃO 2010 - A Prada desfilou nesta quinta (24.09) uma coleção de verão 2010 jovial e leve, que poderia até ser uma Miu Miu dos velhos tempos. E é sempre uma emoção ver as primeiras imagens da marca.

São roupas mais acessíveis, no sentido de poderem ser mais facilmente compreendidas, possivelmente de olho no cada vez mais necessário retorno de vendas globais.

Miuccia Prada fala de hi-lo ao explicar a coleção, e de fato parecem soprar sobre a via Foggazzaro ventos de fast-fashion. Mas não se engane: com La Signora nada é exatamente o que parece.

"Praia e antiguidades, high and low, é tudo a mesma coisa", ela disse a Suzy Menkes no backstage. "É pra ser um olhar irônico, um pouco nostálgico, para uma pegada contemporânea sobre a antiguidade para aqueles que não entendem a beleza do passado."

quinta-feira, 1 de outubro de 2009

London Fashion Week - Twenty8Twelve - Verão 2010/11

Looks despojados no Verão 2010/11 da Twenty8Twelve

Em seu segundo desfile na Semana de Moda em Londres, a grife de Sienna e Savannah Miller segue a risca sua identidade. Looks despojados, despretensiosos, jovens...

O jeans ganha destaque no verão 2010/11 da Twenty8Twelve. São coletes, vestidos, microshorts, jaquetas, camisas, cigarretes e macacão distribuídos entre os delavés, azuis intensos e cinzas.

As irmãs Miller ainda abusam dos comprimentos curtos (tanto nos tops, que sofrem influência do underwear, como nos bottoms e vestidos), e das estampas abstratas.
Related Posts with Thumbnails